Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O Marisco do Povo

por pintolaranja, em 20.06.11

O que é?

Caracóis, claro está! E bem bom, iguaria que degusto em qualquer instante com muito orgulho {#emotions_dlg.happy}

 

Depois de me encher de sardinhas graças ao Sto. António e às saudades que lhes ganhei pelas terras do Tio Sam, eis que estava na altura de mudar de petisco. Ser tuga e viver em tugal é muito bom, crises à parte!

Pelo meu ponto de vista, uma boa receita de caracóis só não pode conter os seguintes elementos:

  • caldo knorr
  • cebola
  • gorduras de qualquer espécie
  • ... ranho em excesso!

E cozinhados à minha moda constam do seguinte:

Lavamos bem os bichos e deixamo-los meter os corninhos de fora mantendo-os um pouco dentro de água enquanto se prepara o panelão. Espeta-se com os caracóis dentro do tacho e tapa-se o dito, acendendo o lume no mínimo. É muito cruel, mas é assim mesmo, têm de morrer lentamente senão nem com alfinetes a gente lá chega para os comer.

Preparem uns alhos que devem ser esmagados para dar mais sabor, umas malaguetas (para variar prefiro frescas, mas desta vez não tinha, por isso usei das secas) e, a erva essencial: orégão. Graças ao amigo Pedro, usei de uma ideia fabulosa que poupa esforço daquele que obriga a catar orégãos da panela para a molhenga não ficar amarga... usei uma cápsula de chá com os orégãos lá dentro!

Então, sempre com o lume no mínimo, deixar cozinhar os caracóis. Quando levanta a fervura, toca de usar uma escumadeira para sacar a espuma branca que basicamente é ranhoca concentrada e algumas porcariazitas que ainda largam na panela. uns 3 ou 4 processos de fervura deste género devem ser suficientes para limpar tudo.

A esta altura, já estão praticamente cozinhados e portanto podemos deitar os alhos, malaguetas, cápsula para o chá de orégão e sal a gosto.

Deixem apurar pelo menos 1 horita e pronto, toca a comer!

(já agora, não meti estes alhos todos que aparecem na foto... é que houve outro petisco a ser cozinhado em paralelo!)

Autoria e outros dados (tags, etc)



Translate the goodness



Calendário

Junho 2011

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930

Cozinhados Antigos

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D